25 de julho de 2017

CNMP manda demitir servidor que atirou contra três promotores de Justiça no RN

“Plenário do Conselho Nacional do Ministério Público determinou, neste terça-feira (25), punir com demissão o técnico administrativo do Ministério Público do Rio Grande do Norte Guilherme Wanderley Lopes, que atirou em promotores de Justiça no estado. O crime aconteceu no dia 24 de março deste ano dentro da sede do MP, em Natal. Guilherme invadiu uma reunião da qual participavam o então procurador-geral de Justiça, Rinaldo Reis, o então procurador-geral adjunto de Justiça, Jovino Pereira, e o promotor de Justiça Wendell Beetoven Ribeiro Agra. Jovino e Wendell foram baleados. Ambos passaram por cirurgias. Já o atirador, que no dia seguinte aos atentados se apresentou à polícia, está atualmente internado no […]

Ler mais