19 de junho de 2015

Henrique Alves discute vistos, Lei Geral do Turismo e promoção digital com Fornatur

O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, participou da 81ª reunião do Fórum Nacional de Secretários Estaduais de Turismo (Fornatur), realizada em Foz do Iguaçu (PR). Os avanços na Lei de Geral de Turismo, a promoção e o marketing dos destinos no ambiente digital, além da criação de zonas especiais de interesse turístico e a isenção de vistos durante o ano olímpico foram definidos como prioridades para o grupo. O objetivo é desenvolver o potencial do setor, estimular o empreendedorismo e aumentar o fluxo de visitantes para o país.

“O turismo tem de ocupar a agenda econômica do Brasil. Temos de formar um exército pela luta legítima do desenvolvimento”, afirmou o ministro Henrique Alves. Ele destacou a importância da criação de zonas de interesses turístico, locais em que se pretende flexibilizar os tributos, facilitar o processo de licenciamento ambiental e reduzir a burocracia. “A proteção ao meio ambiente é fundamental, por isso temos de estimular o turismo como forma de garantir o desenvolvimento sustentável”, disse Alves.

Os secretários de turismo defenderam a criação de uma ferramenta de promoção dos destinos brasileiros na internet. “Precisamos de uma plataforma dinâmica que seja usada e abastecida pelas secretarias, com conteúdos atualizados constantemente”, afirmou o presidente da Embratur, Vinicius Lummertz. Ele destacou ainda a importância de simplificar os processos de para cadastrar e regulamentar as empresas, em discussão da reformulação da Lei Geral do Turismo.

O presidente do Fornatur e secretário de turismo de Brasília, Jaime Recena, convocou, ainda, os representantes e secretários para a reunião da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo (Frentur), no Congresso Nacional. O ato, previsto para 15 de julho na capital federal, tem por objetivo agilizar a isenção do visto de turistas americanos durante o período dos jogos olímpicos – iniciativa proposta pelo ministro Henrique Alves em maio para o ministro de Relações Exteriores, Mauro Vieira.

De acordo com o ministro, o país já foi testado com sucesso em sua capacidade de realizar grandes eventos. A Olimpíada, segundo ele, deve repetir os bons resultados da Copa do Mundo. A maioria dos estrangeiros (97,4%) que estiveram no país no ano passado, por ocasião da Copa, avaliaram positivamente a hospitalidade do brasileiro. “No momento, obras e projetos de planejamento das arenas do Rio de Janeiro têm sido executadas de forma competente. É um imenso potencial para o turismo brasileiro que movimenta atividade econômica, gera emprego e renda em um custo baixo”.

O Fornatur é um colegiado formado pelos secretários estaduais de turismo ou presidentes de órgãos estaduais de turismo com objetivo de deliberar sobre os temas relevantes do setor. O fórum atua como órgão de assessoramento ao Ministério do Turismo.

Related posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *