Henrique Eduardo Alves se reúne com ministros de turismo do Mercosul

porJoLopes

Henrique Eduardo Alves se reúne com ministros de turismo do Mercosul

200116RainhaLeticia_Espanha_TalebRifai_OMT_02_B_DJnnA presença da rainha Letícia, da Espanha, na abertura da Feira Internacional de Turismo de Madri revela a importância do evento para o turismo mundial, bem como da atividade para a economia da Espanha, ressaltou o ministro Henrique Eduardo Alves no encontro com a rainha e o Secretário-Geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), Taleb Rifai. O país é um dos mais visitados do planeta. A Espanha recebe 60 milhões de turistas por ano, dez vezes mais do que o número de estrangeiros que visitam o Brasil,  e tem na atividade turística uma das principais fontes geradoras de emprego e renda para os espanhóis.

A Feira Internacional de Turismo (Fitur), em Madri, uma das maiores do mundo, serviu de palco para os ministros do Turismo do Brasil, Henrique Eduardo Alves; da Argentina, Gustavo Santos; do Paraguai, Marcela Bacigalupo; e do Chile, Javiera Montes, traçarem uma estratégia de promoção turística conjunta. Eles firmaram um pacto para estreitarem a relação dos países por meio do setor de viagens.

200116RainhaLeticia_Espanha_TalebRifai_OMT_B_01DJA secretária de Turismo do Chile, Javiera Montes, propôs a formalização da parceria por meio de um entendimento amplo e profundo com o Brasil a ser assinado na próxima reunião do Mercosul, em abril, no Uruguai. “Os dois países sairão fortalecidos”, comentou Javiera. O Chile é o terceiro país emissor de turistas para o Brasil, depois da Argentina e dos Estados Unidos, com 337 mil visitas em 2014. Em 2015, 460 mil brasileiros visitaram o Chile, segundo autoridades chilenas. O presidente da Embratur, Vinícius Lummertz, frisou que os dois países poderiam fazer promoções integradas.

Ainda na Fitur, Henrique Eduardo Alves encontrou-se pela primeira vez com o ministro do Turismo da Argentina do governo Maurício Macri, Gustavo Santos. “Temos muito trabalho a fazer juntos. Os nossos países têm ofertas turísticas complementares. São como um só destino”, afirmou o ministro. Amanhã os dois ministros têm uma reunião técnica na Fitur para detalhar a estratégia entre os dois países.

A Argentina é o principal destino emissor de turistas para o Brasil. Dos 6,4 milhões de estrangeiros que visitam o país, 1,74 milhões vêm do país vizinho, o equivalente a 27% do total. Neste verão está havendo um grande fluxo de argentinos para o Brasil, principalmente para Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

 

 

Leia mais

Sobre o Autor

JoLopes administrator

Deixe uma resposta