Vigiadengue será apresentado ao Brasil como experiência exitosa no combate ao Aedes aegypti

porJoLopes

Vigiadengue será apresentado ao Brasil como experiência exitosa no combate ao Aedes aegypti

Dengue4nnUma equipe de reportagem da TV Saúde, canal de comunicação do Ministério da Saúde, esteve em Natal durante esta segunda-feira (18) para gravar um vídeo sobre o funcionamento do sistema de monitoramento ativo e combate ao Aedes aegypti – Vigiadengue – que foi desenvolvido pela equipe do Centro de Controle de Zoonoses da Secretaria Municipal de Saúde de Natal. O Vigiadengue foi escolhido pelo Ministério da Saúde como projeto piloto a ser implantado em outras cidades, pela experiência exitosa no combate e monitoramento do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. O projeto conta ainda com o apoio da Organização Mundial de Saúde (OMS) e da Organização Pan-americana de Saúde (OPAS).

A partir da próxima quinta-feira, dia 21 de janeiro, o ministro da Saúde, Marcelo Castro, participará, inicialmente, de mobilização de combate ao Aedes aegypti em pelo menos dez cidades brasileiras. A ideia, ao exibir o vídeo sobre o Vigiadengue, é incentivar gestores a desenvolver novas estratégias para o combate à dengue, como está sendo feito em Natal.

O jornalista Anderson Andrade, da TV Saúde, conheceu todo o processo de funcionamento do Vigiadengue, desde a implantação e coleta das Ovitrampas nas residências, bem como a análise epidemiológica e entomológica, que é feita no laboratório do Centro de Controle de Zoonoses. O jornalista ainda acompanhou as equipes de agentes de endemias em visita domiciliar e o trabalho de educação em saúde.

“De tudo o que eu já vi pelo Brasil essa é uma experiência muito diferente e ousada e que já está mostrando sua eficácia. Impressionante ver o engajamento e o amor com que todos falam e acreditam no projeto, talvez seja esse o resultado do sucesso. A dedicação de uma equipe comprometida com o combate ao Aedes aegypti. Tenho certeza que esse projeto será expandido pelo Brasil e conseguiremos vencer essa guerra. Natal está de parabéns”, destacou o jornalista.

VIGIADENGUE

O Vigiadengue é um sistema de monitoramento ativo com base na vigilância epidemiológica e vigilância entomológica das arboviroses (doenças virais transmitidas por meio de vetores) de importância para a saúde pública. A nova abordagem tem a finalidade de realizar o monitoramento contínuo a fim de identificar as áreas de maior risco para a ocorrência de surtos e epidemias, além de criar categorias de risco, a partir da utilização de indicadores epidemiológicos e entomológicos que já são utilizados na rotina e outros a serem desenvolvidos, além de e estabelecer categorias de intervenção ou estágio de resposta para cada nível de risco.

Com a nova metodologia é possível classificar semanalmente a cidade em áreas com distintos níveis de risco, orientar a intervenção de acordo com o nível de risco de cada área, considerando as intervenções mais adequadas para cada nível, além de mensurar e documentar o tempo entre a identificação do risco e o início da resposta. Além disso, foi criado o mapa de risco de Natal, desenvolvido pela Fiocruz, que será implementado em 2016, podendo, dessa forma, investigar 100% dos casos georreferenciados.

“Agora temos uma ação diferenciada em cada bairro e podemos controlar, com antecipação, os possíveis surtos epidêmicos que possam acontecer em alguns bairros. Com isso, conseguiremos bloquear o surto antes que ele se expanda e, se não evitar a epidemia, diminuir o impacto dela. Hoje temos uma análise e planejamento realizado semanalmente”, explica Luiz Roberto Fonseca, secretário municipal de Saúde.

Leia mais

Sobre o Autor

JoLopes administrator

Deixe uma resposta